Compare The Washington Post com LivingSocial BETA

Veja como é trabalhar na The Washington Post e na LivingSocial e como elas se comparam em vários fatores relativos ao local de trabalho. Ao comparar empresas em relação a classificações de funcionários, salários, avaliações, prós e contras, vagas abertas e muito mais, você dá um passo à frente dos outros candidatos. Todos os salários e avaliações são publicados por funcionários que trabalham na The Washington Post e na LivingSocial. Saiba mais sobre cada empresa e candidate-se a vagas perto de você.
The Washington Post company icon

The Washington Post

LivingSocial company icon

LivingSocial

Classificações de funcionários

  • A classificação da The Washington Post foi maior em 7 áreas: Classificação geral, Oportunidades de carreira, Remuneração e benefícios, Qualidade de vida, Alta liderança, Cultura e valores e Recomendam para um amigo.
  • A classificação da LivingSocial foi maior em 1 área: Perspectiva positiva da empresa.
Classificação geral
(apenas funcionários de tempo integral e de meio período)
Classificação geral
(apenas funcionários de tempo integral e de meio período)
4,4
(Com base em 422 avaliações)
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,6 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Classificação geral.
Classificação geral
(apenas funcionários de tempo integral e de meio período)
3,8
(Com base em 719 avaliações)
Oportunidades de carreira
Oportunidades de carreira
4,1
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,4 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Oportunidades de carreira.
Oportunidades de carreira
3,7
Remuneração e benefícios
Remuneração e benefícios
3,9
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,4 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Remuneração e benefícios.
Remuneração e benefícios
3,5
Qualidade de vida
Qualidade de vida
4,1
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,8 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Qualidade de vida.
Qualidade de vida
3,3
Alta liderança
Alta liderança
4,0
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,4 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Alta liderança.
Alta liderança
3,6
Cultura e valores
Cultura e valores
4,4
A avaliação dos funcionários da The Washington Post é 0,7 ponto(s) mais alta do que a avaliação dos funcionários da LivingSocial para Cultura e valores.
Cultura e valores
3,7
Recomendam para um amigo
Recomendam para um amigo
92%
Recomendam para um amigo
91%
Perspectiva positiva da empresa
Perspectiva positiva da empresa
88%
Perspectiva positiva da empresa
90%

Salários

Salários de vagas semelhantes
Nenhum salário corresponde a esta empresa.
Nenhum salário corresponde a esta empresa.

O que os funcionários dizem

  • "Work life balance" foi o Pró mais mencionado na The Washington Post.
  • "Work from home" foi o Pró mais mencionado na LivingSocial.
  • A LivingSocial tem 13 avaliações a mais do que a The Washington Post que mencionam "Upper management" como sendo um Contra.
Prós
Prós
"Work life balance"(em 29 avaliações)
"Journalism"(em 24 avaliações)
Prós
"Work from home"(em 75 avaliações)
"Great people"(em 49 avaliações)
Contras
Contras
"Newsroom"(em 18 avaliações)
"Upper management"(em 13 avaliações)
Contras
"Merchants"(em 49 avaliações)
"Upper management"(em 26 avaliações)
Avaliação em destaque

Vagas publicadas