Covid-19: Como as empresas têm cuidado da saúde mental de seus funcionários

Em um cenário de incertezas causadas pela pandemia global de Covid-19, é de extrema importância que as empresas busquem maneiras de proteger a saúde mental dos seus colaboradores. 

Há companhias oferecendo benefícios como aulas de ioga e meditação online para ajudar a reduzir a ansiedade, por exemplo. Já a realização de "happy hours" virtuais e a criação de canais em ferramentas como o Slack para o compartilhamento de fotos de animais de estimação e dicas para pais ajudam a reduzir a sensação de isolamento social. "Esse tipo de ação faz o funcionário se desligar um pouco do trabalho (o que pode ser difícil quando se está em home office) e não se sentir sobrecarregado", explica Luiza Saidel, do time de People da empresa Mundipagg. 

"Com as atividades em grupo, é possível proporcionar a sensação de pertencimento e a percepção de que ansiedade, insegurança, tristeza e baixa produtividade são sintomas que a grande maioria das pessoas vem experimentando", completa Marianne, do time de People da Qulture.Rocks. 

Veja a seguir o que essas e outras empresas têm feito para apoiar seus funcionários nesse aspecto:

Takeda

Entre as medidas implementadas para contribuir com a saúde mental dos funcionários, a Takeda lançou a plataforma gratuita Desk Yogi, que contém práticas de mindfullness, exercícios físicos, alongamento, meditação guiada e dicas produtividade e alimentação. A companhia também disponibilizou na sua Universidade Corporativa cursos sobre gestão de tempo, que abordam como ter uma rotina de trabalho equilibrada, conciliando-a com a vida pessoal. 

"Estamos ainda reforçando e intensificando programas já existentes, como o Apoio Pass, que oferece atendimento psicológico, financeiro, jurídico e social, todos gratuitos e por telefone, para colaboradores e seus dependentes", explica Veronika Falconer,  Diretora Executiva de Recursos Humanos da Takeda no Brasil. "Além disso, seguimos em constante discussão com os gestores, acompanhando as equipes de perto, e disponibilizamos um canal aberto por e-mail para feedbacks e sugestões". 

Mundipagg

"Temos psicólogos inclusos em nosso plano de saúde para todos os funcionários e dependentes, além do Gympass W, nova plataforma de parceria com apps de exercícios, terapia online, meditação etc. Outra ação que fizemos foi abrir a agenda de dois psicólogos da equipe de RH para bater papos de 20 minutos com quem se sentir confortável, além de dar dicas de saúde mental, indicar plataformas, sites e conteúdos para relaxamento e descompressão", explica Luiza Saidel, do time de People. 

"Muito importante nessa hora também é evitar o envio de conteúdos alarmantes ou desnecessários para não sobrecarregar os funcionários. Hoje voltamos a nossa comunicação para ações de interação entre as pessoas, com a criação de salas virtuais de jogos e aulas de ginástica ao vivo, por exemplo", completa. 

Aktie Now 

"Pensando em cuidar dos nossos colaboradores, convidamos uma psicóloga para falar sobre saúde emocional neste cenário de quarentena. O objetivo foi abordar os principais pontos que podem abalar a saúde mental enquanto estamos sem contato com familiares e colegas de trabalho e ressignificar este momento. Além disso, para os aniversariantes do mês, estamos proporcionando a entrega de um bolo com uma mensagem especial para que o dia deles não seja esquecido", conta Carolinne, Head de RH.

Veja também: Como gerir equipes trabalhando de casa

Qulture.Rocks 

"Já vínhamos usando uma ferramenta interna de pesquisas de clima e engajamento que roda toda semana, e dá às lideranças uma visão atualizada de como as pessoas estão se sentindo. Acreditamos muito que isso ajude as pessoas na sua educação emocional na medida em que provoca uma reflexão sobre como se sentem e o porquê. Além disso, por serem divididas de maneira aberta com as lideranças, as respostas individuais suscitam discussões nas reuniões 1:1 de modo que os assuntos possam ser rapidamente endereçados. Mais recentemente, nossa área de Gente, Gestão e Cultura (nosso RH) passou a monitorar os resultados agregados da pesquisa e fazer algumas entrevistas em profundidade para entender ainda mais como cada um está passando pela crise", conta Marianne, do time de People. 

Além dessa prática, a companhia tem investido em atividades online para aproximar o time e diminuir a tensão, como aulas de ioga, aulas de luta, workshops de programação, happy hours e cafés da tarde, entre outros. As aulas são dadas pelos próprios funcionários. "Por fim, também criamos um ritual diário de reunião remota all-hands em que nossas áreas fazem atualizações sobre como o negócio está respondendo à crise. Assim, todos ficam sabendo como estão nossos clientes, nossas iniciativas de marketing e nossas finanças. Desta forma, ninguém é pego de surpresa nem se sente ansioso demais por não ter o contexto necessário sobre nossa situação como empresa", acrescenta. 

Bayer

Diariamente, todos os colaboradores da Bayer no Brasil recebem um boletim informativo sobre a situação atual e com conteúdos para ajudá-los a manter mente sã neste período mais complicado. A empresa também oferece acesso a sessões online de mindfulness, vídeos sobre como melhorar a qualidade de vida no home office, dicas para manter a saúde da mente e do corpo e acesso a podcasts. Há ainda o programa Conte Comigo Bayer, um 0800 confidencial disponível 24 horas por dia para quem precisa de orientação psicológica ou financeira.

Wiz

Entre as ações voltadas para a saúde mental e bem-estar dos funcionários da Wiz está um programa especial para a quarentena disponibilizado na universidade corporativa da empresa: "Às segundas-feiras pela manhã, convidamos nosso time para lives que tratam de ferramentas para home office, produtividade, autodesenvolvimento, saúde física com alongamentos e laboral, gestão do stress e mindfulness", conta o time de RH. Como parte do programa, também foi realizado um happy hour online com um músico contratado. 

A Wiz também buscou preparar suas lideranças para esse desafio, fornecendo-lhes um guia de como lidar com a saúde mental dos colaboradores em tempos de isolamento. "E, para nos reinventarmos, temos estudado novos produtos para atender às necessidades relacionadas ao Covid-19, como atendimento via telemedicina e atendimento psicológico virtual. Isso é uma ação importante, pois é uma entrega para nossos clientes, mas também para toda a nossa equipe, que já pode usá-la de forma gratuita".

Grupo ZAP

Já na primeira semana 100% remota devido ao Covid-19, o Grupo ZAP realizou uma sessão em vídeo de ginástica laboral, reproduziu a vivência do “café na copa” virtualmente e promoveu um happy hour online. As psicólogas do time de Gente & Gestão também prepararam uma live para falar de saúde mental com os funcionários e o público externo. "Precisamos estar bem para entregar os melhores resultados e com certeza vamos ver o quanto aprendemos com tudo isso quando voltarmos para o escritório. O aprendizado remoto com esse isolamento social acelerou e amadureceu as decisões dos times e nos deu outra visão do nosso negócio. A gente pode até estar em casa, mas estamos mais conectados do que nunca!", afirma Juliana Esparza, do time de Endomarketing da empresa. 

Smarthis

Para a Smarthis, um dos passos fundamentais foi avaliar como as pessoas estão se sentindo neste momento. Para isso, foi enviada uma pesquisa (com opção anônima) para que cada colaborador avaliasse seu nível de estresse, ociosidade, saúde física e mental. O resultado permitiu a identificação dos fatores mais críticos para o time e um direcionamento mais assertivo dos esforços e incentivos. 

Com esses insumos, a empresa criou um "manual de sobrevivência" para a quarentena, com diversas dicas de atividades para serem feitas nesse período — incluindo atividades físicas e uma lista de melhores jogos para se divertir com os amigos. Momentos de descontração para unir o time também vêm sendo promovidos regularmente, com karaokê online antes do almoço e happy hour com jogos às sextas-feiras, por exemplo.

Renner 

A empresa tem disponibilizado vários conteúdos nos canais de comunicação interna e trilhas na universidade corporativa com pautas específicas sobre saúde mental. Além disso, a gerência de Saúde está realizando acompanhamentos individuais com líderes e equipes. Para unir as pessoas, a Renner criou um grupo para conversas chamado #seguimosjuntos, no qual incentiva os colaboradores a compartilhar mensagens de apoio aos colegas nesse momento tão desafiador. 

"Também começamos a realizar webinars da Universidade Renner três vezes por semana, abordando temas como mindfulness, exercícios físicos, alimentação e inteligência emocional. O conteúdo é compartilhado virtualmente com todos os nossos times e vem sendo adaptado em outros formatos para o nosso Instagram, aberto para clientes e público em geral", explica a Gerente de Comunicação Interna, Lisiane da Silveira. 

Leia também: Conheça as ações de 9 empresas para seus funcionários durante a pandemia de Covid-19

Solicite sua Conta Gratuita no Glassdoor! Nossa missão é apoiar os profissionais a tomarem uma melhor decisão de carreira e fornecer para as empresas candidatos qualificados e com fit com sua cultura.