Glassdoor anuncia critérios do prêmio Melhores Lugares para Trabalhar de 2020

A sua empresa é um lugar incrível para se trabalhar? Se sim, descubra como ela pode se qualificar para o prêmio Melhores Lugares para Trabalhar – Escolha dos Profissionais em 2020!

Estamos animados em compartilhar os critérios de premiação de 2020 para ajudar os funcionários e as empresas a entenderem melhor o que é preciso para ser elegível. Como o Glassdoor continua sua expansão global, também estamos muito felizes em anunciar que publicaremos dez listas neste ano, o que representa quatro listas a mais em relação ao ano passado. Como novidade em 2020, vamos premiar os melhores lugares para se trabalhar no Brasil, no México, na Argentina e em Cingapura.

Ao contrário de outras listas do mercado, não há processo de autonomeação e nenhum custo envolvido. Para ganhar o prêmio Melhores Lugares para Trabalhar do Glassdoor, os vencedores são determinados exclusivamente com base no feedback fornecido por aqueles que melhor conhecem a empresa: os funcionários. Se os funcionários não postarem avaliações no Glassdoor durante o período de elegibilidade, a empresa não será considerada. É por isso que incentivamos todos a postarem uma avaliação!

Para o prêmio, que reconhece as melhores empresas para trabalhar em 2020, o Glassdoor contará com dez categorias distintas em nove países. Para cada categoria, as avaliações e notas dadas por funcionários atuais e ex-funcionários das empresas serão consideradas se tiverem sido enviadas entre 23 de outubro de 2018 e 21 de outubro de 2019. As avaliações enviadas após 21 de outubro de 2019 não serão consideradas para os prêmios de 2020.

Embora o Glassdoor aceite avaliações de ex-funcionários até cinco anos após a saída da empresa, o Melhores Lugares para Trabalhar considera apenas as avaliações de ex-funcionários que deixaram a empresa em 2019 ou 2018.

Além disso, cada lista de vencedores é baseada unicamente no feedback de funcionários locais compartilhado no Glassdoor. Por exemplo, as avaliações de funcionários sediados nos Estados Unidos serão usadas para determinar se um empregador é elegível para uma lista dos EUA, enquanto as avaliações de funcionários sediados no Reino Unido serão usadas para determinar se um empregador é elegível para a lista do Reino Unido. Um empregador pode ganhar o prêmio do Melhores Lugares para Trabalhar em vários países.

Para determinar os vencedores em 2020, a quantidade, qualidade e consistência das avaliações serão levadas em consideração durante o período de elegibilidade. As informações a seguir lançam mais luz sobre esses três aspectos:

1. Quanto à quantidade de avaliações, cada empresa deve ter um número mínimo para oito aspectos do local de trabalho. São eles: nota geral da empresa, oportunidades de carreira, remuneração e benefícios, cultura e valores, alta liderança, qualidade de vida, recomendação a um amigo e perspectivas de negócios. Se não houver avaliações suficientes em algum desses oito atributos, a empresa não será considerada. Eles serão levados em consideração pelo algoritmo próprio do Glassdoor, liderado pela equipe de Pesquisa Econômica do Glassdoor, para determinar os vencedores.

No entanto, para as listas no Brasil, México e Argentina, serão considerados os seguintes seis atributos do local de trabalho: nota geral da empresa, oportunidades de carreira, remuneração e benefícios, cultura e valores, qualidade de vida e recomendação a um amigo. Alguns dos dados usados para determinar os vencedores do prêmio 2020 para essas três listas dependerão de avaliações e comentários enviados para o Love Mondays, uma empresa Glassdoor, antes da sua integração ao Glassdoor em junho de 2019. (Estamos usando apenas esses seis fatores porque, no Love Mondays, os profissionais não podiam classificar a alta liderança ou a perspectiva de negócios da empresa). Se uma empresa não tiver classificações suficientes em algum desses seis atributos para qualquer uma dessas três listas, a empresa não será considerada.

Para ser considerado para uma categoria específica, a empresa deve atender aos seguintes requisitos durante o período de elegibilidade:

50 Melhores Lugares para Trabalhar – Brasil: pelo menos 30 avaliações para os seis atributos do local de trabalho postados por funcionários sediados no Brasil; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

25 Melhores Lugares para Trabalhar – México: pelo menos 20 avaliações para os seis atributos do local de trabalho postados por funcionários sediados no México; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

10 Melhores Lugares para Trabalhar – Argentina: pelo menos 20 avaliações para os seis atributos do local de trabalho postados por funcionários sediados na Argentina; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

100 Melhores Lugares para Trabalhar – Grandes empresas dos EUA: pelo menos 75 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados nos EUA; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

50 Melhores Lugares para Trabalhar – Pequenas e médias empresas dos EUA: pelo menos 30 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados nos EUA; menos de 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

25 Melhores Lugares para Trabalhar – Canadá: pelo menos 25 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados no Canadá; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

50 Melhores Lugares para Trabalhar – Reino Unido: pelo menos 30 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados no Reino Unido; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

25 Melhores Lugares para Trabalhar – França: pelo menos 20 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados na França; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

25 Melhores Lugares para Trabalhar – Alemanha: pelo menos 20 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postadas por funcionários sediados na Alemanha; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

10 Melhores Lugares para Trabalhar – Cingapura: pelo menos 20 avaliações para os oito atributos do local de trabalho postados por funcionários sediados em Cingapura; pelo menos 1.000 funcionários no final do período de elegibilidade.

Para todas as categorias, a empresa também deve ter pelo menos uma nota geral de 3,5 e notas de cada um dos critérios (oportunidades de carreira, remuneração e benefícios, cultura e valores, alta liderança*, qualidade de vida) de pelo menos 2,5 durante o período de elegibilidade. Além disso, a contagem de funcionários deve estar atualizada no Glassdoor em 21 de outubro de 2019. O painel de avaliação do Glassdoor se baseará no tamanho da empresa, indicado pelo número atual de funcionários globais, na página “Visão geral” da empresa, para ajudar a avaliar a elegibilidade. Os empregadores têm até 21 de outubro de 2019 para atualizar o tamanho da empresa em seu perfil Glassdoor com uma Conta Gratuita para Empresa. Os prêmios também levam em conta vários tipos de status de emprego, incluindo período integral, meio período, contrato e freelance, no entanto, as avaliações de estagiários não são consideradas. Avaliações de funcionários em universidades, agências de marketing multinível e nas forças armadas também não são consideradas.

2. Em relação à qualidade das avaliações, o algoritmo proprietário do Glassdoor também considera aquilo que os funcionários têm a dizer e que mostra que os vencedores realmente se destacam do restante. As avaliações de qualidade são aquelas que ajudam os candidatos oferecendo insights e feedback sobre como realmente é trabalhar em uma empresa, incluindo o que está funcionando bem, o que precisa ser aprimorado e os conselhos à alta liderança, que os funcionários devem compartilhar ao concluir uma avaliação da empresa.

3. Em relação à consistência das avaliações, o algoritmo proprietário do Glassdoor também analisa as tendências ao longo do tempo, uma vez que elas se relacionam com as percepções quantitativas e qualitativas compartilhadas pelos funcionários.

Em alguns casos, se um empregador não tiver qualidade e/ou consistência nas avaliações, isso pode afetar os resultados ou a elegibilidade. Dica: incentivamos as empresas a verificarem nossos materiais gratuitos para conhecer as práticas recomendadas pelos vencedores do Melhores Lugares para Trabalhar para saber mais.

Compromisso com a integridade de todas as empresas: Como parte da definição dos vencedores do prêmio, o Glassdoor está comprometido com o mais alto nível de integridade de dados e qualidade das revisões, incluindo tratamento igual a todos os empregadores, independentemente de serem clientes do Glassdoor ou não. Se o painel de elegibilidade do Glassdoor suspeitar ou determinar que representantes oficiais da empresa tentaram influenciar avaliações de funcionários ou adulteraram o processo de coleta de avaliações autênticas e imparciais, incluindo atos intencionais ou não que violam as Regras da Comunidade e os Termos de Uso do Glassdoor, a empresa pode ser excluída do prêmio. A exclusão da elegibilidade pode ser desencadeada por atos como, mas não limitados a, (1) tentativas da liderança de deixar avaliações falsas, (2) coerção de funcionários para enviar avaliações positivas, (3) tentativas de suprimir avaliações ou outras atividades e/ou eventos que poderiam, em última análise, prejudicar a confiança dos funcionários na empresa, sua alta liderança e/ou afetar adversamente sua classificação geral no Glassdoor.

Os vencedores de 2020 serão anunciados no início de dezembro de 2019.

Quer mais informações? Confira nossos materiais gratuitos para empresas e as perguntas frequentes do prêmio.

* Não aplicável a empresas consideradas para o Melhores Lugares para Trabalhar no Brasil, no México ou na Argentina.