Gerencie sua carreira, Produtividade

8 dicas para se sair bem ao trabalhar de casa

trabalhar de casa dicas

Você é um trabalhador freelancer, um funcionário de tempo integral com um contrato remoto ou um funcionário regular em uma situação em que é obrigado a trabalhar de casa? Aqui trazemos oito dicas para que consiga ser produtivo, manter-se motivado e cuidar de si mesmo no processo. 

  1. Use roupas de trabalho. Pode ser tentador ficar de pijama ou moletom o dia inteiro, mas vale a pena investir um tempo para se arrumar. Tome um banho, vista uma roupa bem passada e ajeite o cabelo. Isso ajudará você a sentir que passou do estado de relaxamento para o modo trabalho — e essa demarcação clara de fronteiras também será útil quando o trabalho terminar. Além disso, você estará sempre pronto para uma videoconferência com um cliente ou com um colega. 
  2. Invista em um ambiente apropriado. Às vezes é legal trabalhar do sofá ou no balcão da cozinha (do mesmo modo que é legal, esporadicamente, trabalhar apenas de pijama), mas se você trabalha em casa com regularidade, é importante que seu ambiente de trabalho seja adequado. Isso significa usar um monitor além do seu notebook que esteja ajustado para a altura do seu olhar, um teclado que permita que suas mãos estejam numa posição confortável, e um mouse externo para evitar problemas no braço e nos pulsos. Invista também numa cadeira ergonômica para manter sua postura sempre ereta. 
  3. Mantenha o calendário atualizado. Para evitar que as pessoas no escritório fiquem se perguntando onde você está, mantenha seu calendário sempre atualizado. Caso esteja numa chamada no momento, ou precise sair para dar uma caminhada e esvaziar a cabeça, coloque seu status como “ocupado” de modo a ajudar seus colegas a saber da sua disponibilidade. 
  4. Saiba quando parar de trabalhar. Não cometa o erro de ficar algemado à mesa de trabalho. Quando nós não vamos para o escritório, podemos cair na tentação de querer mostrar que estamos ainda mais disponíveis para colegas e clientes. Porém, quando trabalhamos em casa precisamos parar de vez em quando, do mesmo modo que paramos quando estamos no escritório. Organize-se para ter tempo de recarregar a energia com uma caminhada, indo à academia ou simplesmente sentando para almoçar. É só ser transparente em relação a seus horários e seguir a dica anterior.
  5. Seja criativo na hora de fazer reuniões. Para mudar um pouco o cenário e aproveitar para tomar um pouco de ar, considere marcar chamadas de voz em vez de videoconferências para que possa sair para dar uma volta durante a conversa. Do mesmo modo que você sairia do escritório com um colega, você pode colocar o fone de ouvido e sair para terminar a chamada. Se precisa seguir uma agenda estrita, leve sempre um checklist no seu telefone ou em uma agenda para poder acompanhar durante o dia. 
  6. Entenda o que é melhor para sua concentração. Às vezes, o silêncio de casa pode ser um desafio. Se você precisa do barulho de fundo para se concentrar, toque uma playlist tranquila. Se os barulhos da construção do prédio vizinho estão te incomodando, use fones especiais para cancelar o ruído. E, mais importante, se seu roommate ou seus filhos estão em casa, encontre uma maneira de diminuir as interrupções quando for possível. 
  7. Confie nas listas. Sem o ritmo típico do escritório, com pessoas entrando e saindo das salas a cada hora e caminhando entre uma reunião e outra, trabalhar em casa pode parecer algo monótono. De manhã, faça uma lista de afazeres organizada por prioridades — com as tarefas mais difíceis primeiro, é claro —e não se desvie dela. Faça a mesma coisa no fim do dia para saber como começar na manhã seguinte. 
  8. Respeite o fim do expediente. Trabalhar em casa pode ser uma bênção e uma maldição, mas existem maneiras de fazer com que seja mais do primeiro. Quando seu espaço de moradia é seu espaço de trabalho, pode ser muito difícil estabelecer limites. É comum sentir que não você trabalha o suficiente nem descansa totalmente, o que é ruim para todo mundo e especialmente para você. A chave está em mergulhar no trabalho quando for a hora de trabalhar e, ao chegar a hora de parar, simplesmente fechar o computador e ir fazer outras coisas. A lista de afazeres que você preparou (se seguiu o item anterior) estará te esperando no dia seguinte, o que já é meio caminho andado. 

Leia também: